Avião da Azul não correu risco de colisão, diz FAB

O avião da Azul envolvido em um incidente em Aracaju não correu risco de colisão, disse nesta quinta-feira (15/5) a Aeronáutica.

Em nota, o órgão disse que havia um helicóptero que se aproximava do aeroporto de Aracaju.

A aeronave vinha pela direita e o avião da Azul, ao decolar, viraria à esquerda.

“O trajeto previsto e efetuado pelo helicóptero em aproximação, que operava em condições visuais, é um procedimento normal e não cruzaria a rota de decolagem que seria utilizada pela aeronave da Azul”, diz o texto, que conclui: “Portanto, em função de trajetos totalmente distintos, não havia risco de colisão entre as duas aeronaves”.

Aos passageiros, o comandante do voo da Azul disse que o sistema anticolisão do Embraer 195 detectou outra aeronave à frente e que, não fosse a decolagem ser interrompida, ele acertaria o helicóptero em 20 segundos.

A decisão de abortar uma decolagem é do comandante do avião, quando ele nota uma situação que possa por em risco o voo.

Mais cedo, a Azul havia dito se tratar de uma manobra de caráter preventivo diante do potencial risco em razão de haver outra aeronave à frente. A empresa aérea não comentou a nota da Aeronáutica.

Comentários

  1. Entre a Aeronautica e o piloto fico com este. O acidente da Gol e o jatinho da Embraer a alguns anos atras justificam . Ninguem do Sistema Sindacta que monitorou a coisa na epoca resolveu o problema imediatamente e deu no que deu ,ou seja ,200 cadaveres. Mas nao tem problema algum porque a COPA esta chegando !!!!!

    1. Será que até a Aeronáutica vai entrar na onda do desgoverno PeTralha? Tentar abafar, mentir e negar que houve sim perigo real de colisão.

        1. Caro José, se o Serviço prestado pelo aeroporto é o AFIS, a responsabilidade de separação entre os tráfegos é da tripulação. Todo piloto sabe disso.

          1. O sitema em questão, chama Sisceab e não Cindacta! A opção do piloto em abortar a decolagem é cabível quando este está autorizado a decolar e tal autorização só é dada após o controlador da TWR ter certeza de que esta não levará a riscos. parem de fazer terrorismo, se tem alguém que afeta potencialmente a segurança dos voos no Brasil, esse alguém são os pilotos!

          2. O comandante da fab (o Sr Tem Brig. do Ar Jiniti Saito) já era pra ter ido pra reserva, mas tá lá só por causa das amizades com o pt. calcule o que a fab n tá fazendo por causa do pt.

      1. jah entrou meu amigo
        estamos num pais da desordem, da roubalheira infinita, sem leis.
        só os cidadãos honestos que tomam chumbo grosso

    2. Comentar não é esbravejar e até aproveitar um incidente desses para descarregar ódio sobre PT, petralhas,tucanalhas e pmdebos..
      Nada a ver. Gostei da atitude do piloto, pois decidiu bem.Não é à toa que gosto dessa companhia aérea.Tudo muito, muito bom, até impecável.
      Quanto ao resto, é o de sempre:há pessoas que adoram falar, escrever, xingar.SObretudo sobre assuntos dos quais não entendem bulhufas.E cada vez mais, as matérias se tornam menos importantes do que o bate-boca dos comentaristas.O abuso generalizado nesses espaços está matando o jornalismo no Brasil e -pelo que vejo-no mundo.

      1. Parabéns pelo comentário! cade vez mais os comentários são de pseudo-intelectuais que não se aprofundam no assunto/reportagem e com xingamento de ordens contra o partido que está na presidencia, porém, os mesmos esquecem dos senadores, deputados (estaduais/federais), prefeitos, vereadores … o problema não é de um partido mas dos eleitores que continuam votando nos mesmos idepedente do partido. O problema está na presidencia, congresso e até mesmo nos nossos privilegiados magistrados…

      2. Salve o bom senso! Concordo plenamente, me irritam essas pessoas que comentam/esbravejam coisas e “fatos” sem entender bulhufas do que estão falando. Me preocupa o fato de que muitas outras pessoas com menos conhecimento ainda sobre o assunto em questão, tomem seu partido (não o político, desta vez).

    3. Concordo com você. No Brasil temos três instituições que controlam a viação em geral,
      são elas: ANARC
      INFRAZERO
      AZERONAUTICA

      Todas devidamente aparelhadas conforme a conveniencia.

        1. Ok Pedrão, eu também. Entre nossas autoridades e o piloto, sou mais o piloto.

    4. Parabens ao piloto da azul ..trabalho em uma empresa onde fazemos peças para embraer 195 e 190 e essas aeronaves e de ponta e segura.
      esse sistema TCAS (sigla em inglês para sistema de alerta anticolisão) e foda detecta mesmo outra aeronave em rota de colisão… FAB rsrs de novo escondendo os fatos. Previnir sempre foi a melhor opção. Parabens ao piloto e empresa azul.

      1. O ACAS (TCAS é a informação que o aparelho provê) não funciona com o trem de pouso baixado, ele é inibido pelo GPWS porque o sistema entende que nessa fase do voo é mais importante separar de obstáculos do que de tráfegos (aviões). Até pq se tiver um transponder acionado no solo ninguém pousaria ou decolaria. Deve ter faltado informação de tráfego e o piloto ficou com medo. Em última análise o piloto é responsável pela segurança do voo e na minha opinião ele fez o que achou certo fazer. Mas vejo que o foco aqui é atacar a situação no governo.

    5. e pra calar a boca da FAB e so ler os dados da caixa preta que ai sim vai mostrar que a coisa ia ficar preta mesmo.
      + uma vez PARABENSSSS AZUL PILOTO E EMBRAER…AGUARDEM 2015 vem a nova frota de avioes da embraer tudo novo E2 mais rapido masi economico mais silencioso e mais ecologico. E2 embraer

    6. Sou um usuário constante da aviação domestica, minha opinião é que o COMANDANTE agiu com sabedoria e profissionalismo o seu risco no voo tem que ser (0), discordo da FAB ou Infraero que diz não ter havido risco… É em detrimento desses pobres comentários para a população que o nosso país está uma bagaceira e a caminho do caos…

    7. Parabéns para a AZUL e toda a sua equipe.
      Na aviação devemos ser conservadores em nossas atitudes.
      Estamos lidando com vidas, bem mais precioso que temos.
      Parabéns ao comandante da aeronave, pela coragem moral de tomar esta atitude.

    8. Sou da reserva da FAB, o atual sistema cartográfico de vôos foi feito por aviador amigo meu de Esquadrão, que lhe rendeu promoção a Brigadeiro do Ar.
      Sim, os pilotos devem saber tomar as decisões que julgarem corretas.
      Muitos anos atrás, um piloto brasileiro, comandante de B 747-200, da TAP(Air Portugal), decolou de Londres sob intensa chuva, achando que estava fazendo o melhor, na ocasião a TAP deu-lhe uma bronca e disse que ela não quer ajuda de pilotos e sim segurança de vôo para os passageiros e a aeronave, mesmo sendo um 747. Porém na época a tecnologia era bem restrita, (+ ou – em 1976).
      Na dúvida não decole, aborte!!! Melhor debatermos isso agora do que ficar lamentando a horrível cena de corpos mutilados e famílias destroçadas!!!
      Pires.

  2. A Aeronáutica afirma que o helicóptero “operava em condições visuais”. Pergunto: o Aeroporto Santa Maria não possui radares para auxiliar no processo de navegação aérea? Quem, naquele momento, sabia que o helicóptero estava fora da rota do avião, se o céu continha nuvens carregadas e o contato era visual? É melhor um freio brusco de uma aeronave? Um piloto que abre o verbo, falando das limitações do aeroporto? ou um avião em chamas sobre várias residências com todos passageiros mortos?

    1. Caro Rosivaldo. Não, não há serviço radar em Aracaju. E isso não é nenhuma heresia. Inúmeros aeroportos no mundo inteiro operam desta maneira. Compete aos pilotos realizar a separação. O piloto pode decidir não decolar, sem problema.

      1. sei não com tantos comentários fico do lado do piloto mais na certeza que nessas horas o melhor mesmo seria usar uma carrocinha de boi sendo mais seguro para minha vida que dai eu estaria no comando do boizinho dá feita que o avião sai do chão meu amigo o melhor mesmo é entregar a vida a Deus nunca confiei em avião é uma maquina tendo suas falhas sendo comandada por humanos pior ainda

  3. Ninguém melhor que o piloto para decidir o que deve ou não fazer em uma eventual situação de risco. Nota 1000 para a prudencia desse profissional.

  4. Pois é, o TCAS (aparelho que detecta possibilidade de colisão) estava errado. Certo está o desavergonhado que publicou o comunicado. Possibilitar a decolagem de uma aeronave enquanto outra vinha em sentido contrário? É caso que apurar quem é o responsável pelo comunicado.

  5. Depois de evitado o possível acidente é fácil arrotar que estava tudo sobre controle.

  6. Foi melhor o piloto prevenir, quem poderia garantir que não haveria colisão? Mãe Diná já está em outro plano. a FAB? Assim teria evitado o acidente da gool com os famigerados americanos… A copa vem aí, quem for viajar entregue sua alma antes de decolar…

    1. Também é muito fácil culpar quem não abriu o verbo, não é? Aliás, aqui no Brasil, só quem abre o verbo, mesmo falando uma atrocidade total, é ouvido por todos. Basta algúem reclamar para que todos creditem nele todos os méritos. Não é bem assim, meu chapa. Neste caso particular, o piloto decidiu abortar. Ótimo. Sem problemas. Se há dúvida, melhor a prudência. Mas nada de errado estava acontecendo. A rota do helicóptero era conhecida e correta, e os auxílios previstos do aeroporto estavam em condição. Não é preciso mudar nada em Aracaju para que a operação continue com segurança!!!

          1. Caro Avila, não sou o autor da nota mas conheço aviação. Sei que o sistema está sendo forçado para atender a copa, mas garanto que os mínimos de segurança não estão sendo descumpridos, pois existem auditorias internacionais, o tempo todo, com ou sem copa. Vamos colocar assim: você acha que a American Airlines, a Lufthansa, etc, operariam aqui no Brasil se estivesse estabelecida a zona que alguns aí andam dizendo? A PTralha não tem gestáo sobre este sistema. Isso eles não vão conseguir quebrar.

          2. Não sou autor da nota mas conheço aviação. Auditorias da ICAO acontecem regurlarmente. Embora o sistema esteja sendo forçado por conta da copa, os mínimos de segurança permanecem. Pense nisso:
            Você acha que a American Airlines, a Lufthansa, etc, continuariam a operar aqui no Brasil se estivesse estabelecida essa “zona” que alguns andam dizendo? Aqui nesta seara a PTralha não mete a mão.

    2. Eu sou passageiro frequente e amante da aviacao.( piloto frustrado ). Nao vejo motivo nenhum para questionar a atitude do cmte, vejo os pilotos PROFISSIONAIS brasileiros como parte da elite mundial, uma vez que enfrentam todo tipo de dificuldades ate se tornarem PLA.Mas sobre a competencia dos controladores de voo, eu fiquei assustado depois do acidente da gol.

      Tirando os que defendem o comunicado, acho pertinentes todos os comentarios.Dos mais tecnicos como que explica a realacao do tcas c/ o trem de pouso, ate os que so querem expressar a revolta com a situacao de nosso país.

  7. Pelas leis da aviação, a instrução do TCAS tem mais poder que a instrução do controle aéreo. Ou seja, o piloto agiu certo, e preventivamente. O que a aeronáutica quis é apenas justificar que após uma análise do ocorrido, viu que não haveria problema. A aeronáutica não disse que o piloto errou.

    1. Excelente comentário, Henrique. Lembrando que o controle aéreo NÃO DEU instruções, visto que lá em Aracaju NÃO TEM torre de controle. Compete aos pilotos realizar a separação. E isto NÃO É problema, pois acontece em INÚMEROS aeroportos NO MUNDO TODO.

  8. A ação do piloto é incontestável, o sistema TCAS (Traffic collision avoidance system) é projetado para evitar a colisão em voo.

    Com informação de RA (Resolution Advisory ) realmente a estimativa de impacto é de 20 segundos, e a ação evasão do piloto é para cima ou para baixo. O TCAS e dotado de um computador de algoritmo que consegue calcular a estimativa de impacto. É impressionante sem a avaliação do cenário em algumas hora alguém afirmar que não corria risco de impacto.

    Parabéns ao Comandante mostra que a Empresa leva a sério os treinamentos de suas tripulações.

    Aloizio Sérgio do N. Silva
    Instrutor de Ground School de Pilotos

    1. Caro Aloizio, a avaliação do cenário é feita sim, com base na imagem radar. Embora o Serviço de Controle de Tráfego Aéreo não seja prestado em Aracaju, é possível ver a imagem radar dentro da área terminal Aracaju. O Brasil, signatário da ICAO, segue normas rígidas em relação à situações de RA (Resolution Advisory). Qualquer reporte de RA gera um relatório. Não tem amador trabalhando nisso não. Nunca foi questionada a decisão do piloto, mas também não se pode questionar a resposta da FAB.

      1. boa noite
        é engraçado, senão trágico !
        se o comandante segue o que lhe informa o TCAS (acredito nele. a investigação dirá o certo) a plebe ruge. se o comandante não segue o TCAS e vai todo mundo pra m…., a plebe questiona por que não seguiu o TCAS.
        vão todos caçar sapo, e agradeçamos a Deus, acima de tudo.
        ah, outra coisa: até agora ninguém menosprezou a FAB (e nem deve) mas que precisa averiguar, ah isso lá precisa

  9. Só espero que a Azul não cometa a injustiça de mandar o piloto embora. O que não seria nenhuma novidade em se tratando de Brasil.

  10. Pelo que lembro o TCAS para funcionar necessita que duas aeronaves em rota de colisão tenha o sistema ativado. O Helicóptero tinha o sistema? O que diz o piloto dessa aeronave?

    1. Caro Mario, considere assim: se o meu avião tem TCAS, ele funcionará e auxiliará na prevenção de colisões se os aviões nas proximidades estiverem com o Transponder ligado (tendo ou não TCAS). Não era necessário que o helicóptero tivesse TCAS para alertar o sistema do Azul. Bastava que ele tivesse o transponder ligado.

  11. Uma decisão rápida, que não pode ser adiada… Na dúvida aborte a decolagem… Segurança em primeiro lugar… Mas a ANAC está pronta para multar quem atrasar e der prejuízos… Lamentável que sem uma estrutura adequada, se impõe um aumento de vôos aumentando também o risco de acidentes fatais… Lamentável, que os estádios estão “tinindo” mas os aeroportos, as vias, as estradas, a segurança, o SUS, embora os participantes da copa em geral os estrangeiros jamais necessitarão do SUS… Quanto os “da casa”, o melhor a fazer é se passar mal, ao invés de ir para o SUS, corram para algum estádio e caia na porta que tem que ser atendido por lá mesmo, o que é uma boa estratégia para a época desta famigerada copa… Levem todos os doentes para os ESTÁDIOS e caiam lá para serem atendidos como PRIMEIRO MUNDO. É melhor tentar isso do que ir para o SUS…

  12. Parabéns, ao comandante ,muito bem treinado e muito atento as manobras de segurança, se ele agiu desta forma porque tinha treinamento para utilizar o equipamento, você merecia até um prêmio de sua empresa como profissional compromissado com a profissão e o cuidado com vidas.Toda honra a Deus e a sua atitude.

  13. Quem está certo eu não faço a menor ideia, mas esse comandante se expressa mal, não? “Batemo um papo” (sic) e por aí afora. Só faltou falar “tipo assim…”

  14. ah, havia me esquecido: para um tal de Emerson, o sabe tudo: pergunte à ANAC ou a outra autoridade aeronáutica responsável pelo tráfego aéreo, quem errou, quem provocou, quem pagou, quem sofreu as sanções a respeito do acidente da Gol x jatinho dos americanos ?
    pergunte também às mesmas autoridades quem errou, quem provocou, quem pagou, quem sofreu as sanções a respeito do acidente da TAM que se arrebentou no prédio da própria companhia ?
    ah ! não sabe não, inocente, não sabe de nada !!!!! boa noite comandante Emerson

      1. Emerson,
        Eu ja dei uma olhada no relatorio do cenipa, e vejo a tam e a relacao corrupta entre a anac e as cias aereas como responsaveis por aquele acidente.Aquele aviao, com tais restricoes tecnicas, meteorologicas, e do aerodromo, nao poderia pousar em cgh.

  15. Nao é necessario ser piloto para entender essas explicacoes que estao tentando nos empurrar goela abaixo.
    Nao existe um controle de terra para autorizar decolagens??? Em outras palavras, a Aeronautica diz que o piloto agiu de forma equivocada.

    Muito sensato da Aeronautica: na proxima vez deixa colidir.

    1. Negativo, Paulo. Em Aracaju, embora exista um prédio com jeitão de torre, NÃO EXISTE torre de controle, e isso NÃO FERE nenhuma convenção internacional. O serviço prestado é o AFIS. A responsabilidade de separação é dos pilotos. TODO PILOTO sabe disso. Se for necessário estabelecer o serviço de controle de tráfego aéreo em todos os aeroportos do país, você pode ter certeza que o preço das passagens seria afetado.

  16. Só sei que se houvesse um acidente, colocam a culpa no piloto, “erro humano”. Parabéns ao piloto.

  17. O piloto agiu corretamente, mesmo que o fato suspeito não tenha ocorrido. Supomos que a decisão dele fosse alçar vôo e ele, o piloto, estivesse certo em suas suspeitas. Quantas Pessoas haviam nos dois avões? – Certamente seriam números iguais aos do cadáveres.
    Parabéns ao piloto pela decisão sábia. Se a Azul demití-lo, outra companhia o contrata, certamente!…

  18. A autoridade aérea está comprometida (vendida) com a copa. Negará qualquer coisa que demonstre o total despreparo do setor.

  19. O Emerson parece preocupado em que não haja intervenção no aeroporto de Aracaju. O Emerson está defendo o status quo da segurança dos nossos aeroportos. Este caso, vem mostrar, claramente, que não podemos ter aeroportos sem a segurança como o de Aracaju. NÃO JUSTIFICA dizer que “NÃO FERE nenhuma convenção internacional” “Que é assim em todo o mundo”. Também esta estória de Lufthansa e American é bobagem, pois o que interessa a eles é o lucro. Eles voam para todos os lugares do mundo e jogam a responsabilidade para os pilotos. Temos que nos modernizar, isto sim. A Aeronáutica se precipitou em 24 horas dar uma resposta. Quando há mortes eles dizem que vai levar meses para averiguar. A Aeronáutica tem medo de perder os aeroportos para a iniciativa privada ou sofrer intervenções. Há muito CORPORATIVISMO nas palavras do Emerson. Se eu fosse rico e tivesse um jato próprio CONTRATARIA IMEDIATAMENTE ESTE PILOTO DA AZUL.

    1. Ernesto: 1 – Os aeroportos não são da Aeronáutica. Quem controla os aeroportos é a INFRAERO. 2 – Eu não disse nada sobre “segurança dos aeroportos”, os meus comentários se referem ao aeroporto de Aracaju, e uma analogia a aeroportos similares, que operam nas mesmas condições e com segurança, em outras partes do mundo. 3 – Se haverá alguma mudança em Aracaju, pouco me importa. 4 – As empresas visam o lucro sim, e por isso investem pesadamente em segurança, pois um único acidente pode levá-las à falência. 5 – A resposta da FAB não foi precipitada, pois as imagens radar e a transcrição do papo-rádio do piloto estão disponíveis a qualquer hora. Em pouco tempo é possível ser feito um relatório. 6 – Em nenhum momento eu questionei a decisão do piloto.

  20. Dentro da aeronave o comando é do PILOTO, portanto, a responsabilidade também. Se o TCAS o alertou sobre a possibilidade de colisão (não certeza), e havia como neutralizar essa possibilidade ainda no solo com segurança, não há o que discutir, priorizou a segurança e agiu certo, mesmo a FAB dizendo que não haveria a colisão. Parabéns ao comandante que decidiu pela segurança, independente do estardalhaço midiático que tal decisão poderia causar.

  21. É o basico né fab?

    Se ele decola e bate? – Culpa do piloto que não atendeu os alertas do equipamento.

    Se ele nao decola e reclama? – Que cara chato! Nem ia pegar, o piloto do helicoptero tinha tudo sob controle.

    Pra fab se dar a essa vergonha, provavelmente era algum politico graudo ou familiar influente nesse helicoptero, então a vida de algumas dezenas de pessoas em perigo nao significa nada perto disso.

    1. Caro Julliano, a nota da FAB não questionou a atitude do piloto. A nota não considera o piloto da Azul “um cara chato”. A nota não credita ao piloto do helicóptero o controle da situação. Os fatos são que, para Aracaju e qualquer outro aeroporto onde não é estabelecido o serviço de controle de tráfego aéreo, cabe aos pilotos estabelecer a separação entre os tráfegos. O piloto da Azul decidiu abortar e pronto. Não há nada de errado nisso.

  22. A Azul é disparada a melhor empresa de táxi aéreo do Brasil. Os aviões, tripulações e serviços, são de qualidades inquestionáveis. Se tiver que escolher, não penso duas vezes.

  23. Eu não dava nada pela Azul, mas esse piloto me fez rever meus conceitos. Será que precisava da mãe desse desmiolado da Aeronáutica, que já foi mais séria, estar abordo para que fosse compreendido o perigo iminente? Cala a boca, ôh da asinha. Não põe uma instituição séria como esta na boca de Matilda, como o resto do Brasil, seu p8rr@ louca!

  24. Como regra geral no Brasil, ninguém assume a responsabilidade dos fatos ocorridos.Se tivesse ocorrido o pior (a colisão entre o avião e o helicóptero , com muitas mortes) o jogo de empurra seria ainda maior e o prejuízo total seria das vítimas e suas famílias.
    Infelizmente, estamos em um país onde tudo é corrompido por influências e/ou dinheiro.

  25. Só quem trabalha junto com a INFRAZERO, ANARC e AZERONATICA, sabe como essas ditas empresas só sabem cobrar e gerar cobrança, elas tambem são uma vergonha para os brasileiros.
    Parabens ao piloto

  26. Parece que as pessoas estão querendo apenas aproveitar a “oportunidade” para falar do governo. Poucos são sensatos em seus comentários, a FAB está certa e o piloto também. Não entendo porque dizer que o comunicado da FAB é político, se de acordo com o plano de voo do helicóptero eles não iriam colidir. Assim, a FAB está certa.

    O TCAS alertou a possibilidade de colisão e o piloto, corretamente, abortou a decolagem. Como o TCAS saberia que o helicóptero ia manobrar e que, na verdade, não haveria colisão? Ele apenas alertou que se ambos continuassem na mesma rota haveria colisão.

    Ou seja, ótimo sistema, piloto prudente (não fez mais que seu trabalho), e a FAB elucidando os fatos, mostrando que não houve risco.

    Basta um pouco de sensatez para perceber que há coerência no comunicado da FAB, bem como na atitude do piloto. Além disto, se realmente houvesse risco de colisão, o piloto seria um herói pelo que fez? Ao meu ver não. Qualquer pessoa abortaria a decolagem com o seus sistema alertando possibilidade de colisão!

  27. PESSOAL, todos esse cometários pró e contra são extra oficiais. A FAB não responde a ocorrências com aeronaves sem análises dos dados de fato. Não se manifesta de forma leviana. Aguardem e acompanhem o noticiário. Quando tudo for apurado a informação correta virá a publico. Não há vinculação com partidos políticos.

  28. Notícia bem sensacionalista. Acontece com mais frequência do que parece. Um passageiro filmou e saíram dizendo coisas que sem saber. Acusando governos e outras coisas. As pessoas precisam começar a se informar mais com profissionais do ramo. Trabalho na aviação a 7 anos, e já vi coisas muito piores acontecerem, e não serem tão divulgadas pois as explicações técnicas não foram entendidas pelos leigos e acabaram deixando por isso mesmo. Agora alguém filmou, e quis colocar isso no ar, talvez não com a intenção, mas que no final das contas gerou essa sensação de insegurança. Comprometeu uma companhia aérea até que bem vista pela sociedade (#sonhomeutrabalharnela), mas que por falta de informação acaba que trazendo uma prejuízo a mesma desnecessário. Nota 10 pro piloto que não quis ficar na dúvida, nota 10 para os órgãos regulamentadores que responderam com firmeza as críticas, nota ZERO pra política brasileira que contínua uma bosta!

  29. Já voe varias vezes neste voo da Azul é o 4101 Campinas / Maceió. A tripulação da Azul é sensacional. Já voei com esse comandante ele é educado e gentil. O poso e decolagem dele e ótimo quase não sentimos o avião tocar o solo. Mais uma vez ele provou sua competência. Parabéns comandante e tripulação AZUL. Como vocês dizem: ” tenham um dia Azul.”
    Não importa se usamos o português chulo ou culto o que importa é se comunicar. Se fazer entender. Para isso contamos com a linguística e não só com a gramatica elitista
    desde sua criação. Bem vindos ao mundo da linguística o qual diz” se você se fez intender houve comunicação. Assim seja.

  30. Nota 10 para o Comte.
    Nota 0 para a Aeronáutica!

    A Aeronáutica é incompetente e não iria admitir o risco iminente em que estiveram os passageiros e tripulação.
    Aracaju não tem estrutura para operar os voos que por lá passam. Tanto é verdade que a Torre de Controle não deu alerta e nem se manifestou a posteriori.
    Parabéns ao Comte. Azul!!!

    1. Caro Sr José, não há torre de controle em Aracaju, portanto, nenhum alerta poderia ser emitido, tampouco manifestação a respeito. Em relação à estrutura do aeroporto de Aracaju, isso é responsabilidade da INFRAERO, não da Aeronáutica. Qualquer risco de colisão em espaço aéreo não controlado, é responsabilidade dos pilotos. Isso está muito claro nas Regras de Tráfego Aéreo. Todo piloto sabe disso. A Aeronáutica não tem gestão sobre a atitude dos pilotos.

  31. Meu comentário foi censurado com tarja de imoderado.
    Se tivesse ocorrido a colisão do avião com o helicóptero. Não seria imoderado.
    Seria trágico e doloroso para todos nós!!

  32. Graças a Deus tudo deu certo. Parabéns comandante e tripulação Azul. Que Deus os abençoe e protejam sempre. Embora vocês não possam mencionar Deus pela regra da aviação. O senhores sabem é muitos creem que Ele existe e ajudam os que nele confiam.

  33. Alguém ai já viu algum militar assumir alguma coisa errada que faz? Eu nunca vi. O piloto do avião tomou a decisão com base num equipamento do próprio avião que foi projetado para alertar possíveis colisões e a FAB vem agora dizer que não haveria risco de colisão? A atitude da FAB parece até aquele velho costume de certas autoridades incompetentes de ignorar pareceres técnicos somente para manter as aparências ou para fazer demagogia. Depois que acontece aquilo que o parecer indicava que poderia acontecer, estas mesmas autoridades vem com a característica cara de bunda delas dar as mais diversas desculpas esfarrapadas na TV. E o resultado de qualquer investigação vem sempre depois de muito tempo e com algumas mentirinhas de quem nunca assume erro algum.

  34. ja ouvi umas dez vezes esse video voa bonita desse piloto heim melhor ainda e ver o profissionalismo tranquilidade desse piloto se alguem tiver foto desse piloto nos disponha rssss

  35. Muito estranho. Em condições normais uma aeronave não é autorizada a cruzar a cabeceira do aeródromo, quando há uma outra aeronave autorizada a decolar. Muito estranho o argumento da FAB, e tudo indica que houve uma falha (ou muito confiança na sorte) do Controle de Trafego Aéreo, uma vez que o própiro TCAS do E-190 da Azul indicou risco.
    Parabens ao comandante da Azul, pessoas assim que queremos no comando quando for viajar.

  36. Fez certo o piloto. Se ocorresse o acidente, teriam culpado o mais fraco, no caso o piloto.

    Muito obrigado por cuidar dos passageiros e das suas famílias.

    Azul, empresa séria, até o momento.

  37. De maneira apressada a FAB faz um comentário que imputa ao piloto da Azul a responsabilidade pela manobra. Certamente seria mais prudente e respeitoso com a companhia aérea e o comandante da aeronave, investigar os fatos para posterior pronunciamento. Em tese, para essa gente, o piloto é sempre o responsável.

  38. É incrível como as pessoas julgam sem saber. Antes de falar alguma coisa verifique o que realmente aconteceu. Peço licença para fazer dos comentários do Emerson e do Felipe as minhas palavras. Mostraram conhecimento, bom senso e educação.

  39. Procedimento normal, tanto do tráfego aéreo, quanto operacional da companhia(piloto).
    O problema é que o piloto quis se colocar no status de herói e prematuramente falou além do deveria aos passageiros, até mesmo realizando um julgamento próprio da situação, mencionando até, reincidência de supostas ocorrências no aeroporto.
    Qualquer comentário é prematuro, mas se este infográfico estiver correto, é um procedimento NORMAL, lógico, quando as tripulações são devidamente informadas dos tráfegos existentes.
    Agora, quanto à nossa estrutura de tráfego aéreo, SOMOS UM SISTEMA DE AMADORES.

  40. O mal do ser humano é julgar sem saber absolutamente nada. Sou controladora de voo, e digo que pra começar quem escreve Sindacta, ja nao não merece respeito, nem sabe escrever sobre o que fala. E apenas pra constar, vocês so viajam de avião pra se divertir, pra visitar famílias, trabalhar,porque os controladores de voo existem. Sem nosso trabalho de vigilância 24horas por dia, ninguém faria nada, e somos nós que evitamos que todo momento vocês se choquem com outra aeronave .

Comments are closed.